Tempos de sal

11/11/2010 at 6:17 PM 4 comentários

… Mas só muito mais tarde, como um estranho flash-back premonitório, no meio duma noite de possessões incompreensíveis, procurando sem achar uma peça de Charlie Parker pela casa repleta de feitiços ineficientes, recomporia passo a passo aquela véspera de São João em que tinha sido permitido tê-lo inteiramente entre um blues amargo e um poema de vanguarda. Ou um doce blues iluminado e um soneto antigo. De qualquer forma, poderia tê-lo amado muito. E amar muito, quando é permitido, deveria modificar uma vida – reconheceu, compenetrado. Como uma ideologia, como uma geografia: palmilhar cada vez mais fundo todos os milímetros de outro corpo, e no território conquistado hastear uma bandeira. Como quando, olhando para baixo, a deusa se compadece e verte uma fugidia gota do néctar de sua ânfora sobre nossas cabeças. Mesmo que depois venha o tempo do sal, não do mel…

Caio Fernando Abreu

Anúncios

Entry filed under: Gente é pra brilhar!.

Natal Solidário em Santo Ângelo ® Eu vou. E tu?!

4 Comentários Add your own

  • 1. Monica Saraiva  |  11/11/2010 às 7:25 PM

    Ah…esse Caio…
    Ah…essa Mar…

    Dois INDISPENSÁVEIS!!!

    Beijo, sua linda que eu adoooro!

    Moni

    Responder
    • 2. Marjorie Bier  |  11/11/2010 às 7:55 PM

      Muito amor no coração…

      Beijo, amorinha.

      Responder
  • 3. Duduardoo  |  12/11/2010 às 12:25 AM

    Que dupla né Moni?

    Que dupla!

    Esse Caio é um lindo né Mar?

    Feito você.

    Beijos!

    Responder
    • 4. Marjorie Bier  |  12/11/2010 às 11:37 AM

      Ai que é tanto amor que nem cabe aqui!

      Muah!

      Responder

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Trackback this post  |  Subscribe to the comments via RSS Feed


Sigam-me os bons!

Erro: o Twitter não respondeu. Por favor, aguarde alguns minutos e atualize esta página.


%d blogueiros gostam disto: