Comédias da Vida Privada III ®

05/08/2010 at 12:49 PM 18 comentários

Personagens

M = eu

GA = Garoto Aleatório

Cena

Inverno Santo-angelense. Dia gelado, mas muito claro. Pessoas caminhando rápido, cabeças baixas. Os personagens se encontram na esquina do prédio de M.

GA chama M. Ela desliga o celular, guarda no bolso e sorri para GA. Ele a abraça.

GA: Oi, M, que saudade! Tenho te visto pouco, mas sabendo que tá trabalhando feito uma louca.

M: Vida de artista não é moleza, não.

Eles riem como se estivessem na Gaiola das Loucas.

GA: Tem saído?

M: De casa pro trabalho, do trabalho pro boteco e depois eu não lembro mais. Talvez por isso tenha arrumado um namorado: saio da agência e desligo. Ele me recolhe na sarjeta e trata de me largar em casa.

GA: Vida de indigente, é?!

M: Não, de artista, já disse. Se Paris pode, eu também posso.

Gargalhadas.

GA: E a nossa sessão pipoca sai quando?

M: Depois da sexta-feira treze, qualquer dia.

GA: Te preparando pra halloween?

M: Sim, catalogando os pescocinhos suculentos da cidade.

M faz cara de vampiro paraguaio. GA ri alto.

GA: Sabe, a gente podia entrar no clima e ver um daqueles filmes moderninhos…

M: Filmes moderninhos? Ai, medo.

GA: Sério, aqueles dos vampiros… como é mesmo o nome?!

M: Entrevista com o vampiro?

GA: Claro! Moderno pra Tutancamon.

M esquece a educação e ri muito alto.

GA: Aquele, M… da saga.

M: Aaaahhh (cara de paisagem)

GA: ESCRÚPULO! É isso! Tu viu?

M fica em silêncio olhando para GA. GA sabe que falou bobagem e sorri amarelo.

M: Tá na hora do meu almoço. Devem estar me esperando em casa e a gente aqui de papinho.

GA: Verdade. Eu te ligo e a gente marca de ver o filme.

M: Claro. Liga sim. Escrúpulo é sempre bom antes de sair mordendo pescocinhos por aí.

M baixa a cabeça e entra rápido no prédio. GA nunca telefonou para marcar de ver o filme.

Entry filed under: Gente é pra brilhar!, Perplexidades. Tags: .

O mundo conforme Casciari Amnésia ®

18 Comentários Add your own

  • 1. rafaela  |  05/08/2010 às 12:58 PM

    hahahahahahahahahahahahahahahahahaahah

    tu ainda me mata, véi!

    Responder
    • 2. Marjorie Bier  |  05/08/2010 às 1:00 PM

      Cara, não fui eu!!!!

      hahahahahaha

      Responder
  • 3. renata carneiro  |  05/08/2010 às 1:30 PM

    kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk!
    faltou escrúpulo presse rapaz!
    rá!

    lindona!

    Responder
    • 4. Marjorie Bier  |  05/08/2010 às 1:44 PM

      =))))))))

      E COMO!!!!!

      Foi muito engraçado, Re….

      Beijo

      Responder
  • 5. Talita Prates  |  05/08/2010 às 3:30 PM

    Quáaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaa!

    tu ainda me mata, véi! [2]

    fiquei imaginando os nomes para os outros filmes da série…
    (nada me ocorreu de mais criativo que isso… =/)

    bjooo, M!

    (F)

    Responder
    • 6. Marjorie Bier  |  05/08/2010 às 3:59 PM

      Tá… se o primeiro filme da minha saga deu nisso, imagine o resto.

      ME-DO!

      hahahahahahahaha

      Responder
  • 7. Fernando Lago  |  05/08/2010 às 3:44 PM

    kkkkkkkkk Ridimaisdaconta, sô!

    Responder
    • 8. Marjorie Bier  |  05/08/2010 às 4:00 PM

      hahahahahahahahaha

      Eu não posso lembrar que me desmonto rindo!

      beijo

      Responder
  • 9. Régis Antônio Coimbra  |  05/08/2010 às 4:21 PM

    Faltou presença de espírito para transmutar o lapso de um mero erro em uma sátira. E, claro, sem presença de espírito, somos zumbis.

    Responder
    • 10. Marjorie Bier  |  05/08/2010 às 4:35 PM

      O que falta de presença de espírito para uns, falta de simancol para outros, né?!

      Esse mundo é mesmo muito louco.

      Responder
  • 11. Guilherme Maron  |  05/08/2010 às 6:36 PM

    Escrúpulo, Prepúcio, Esculápio …

    Escrúpulo, algo que sou acusado de não ter por quem tinha que me defender … =P

    Responder
    • 12. Marjorie Bier  |  05/08/2010 às 7:35 PM

      Olha o farolete, guri!!!

      Responder
  • 13.  |  05/08/2010 às 7:46 PM

    Tá loko!!!! =)

    Responder
    • 14. Marjorie Bier  |  05/08/2010 às 7:48 PM

      Só joia na minha vida!

      =***

      Responder
  • 15. Duduardoo  |  06/08/2010 às 12:22 AM

    (onde é q desliga o gargalhômetro???)

    hehehehehehe

    Pobre GA…

    Nádegas a declarar.. hehehehehe

    =***

    Responder
    • 16. Marjorie Bier  |  06/08/2010 às 12:37 PM

      Teria rido muito mais se visse a cena. As caras de caneca, Du, impagáveis!

      =****

      Responder
  • 17. Maçao Filho  |  06/08/2010 às 3:40 AM

    Olha, o que mais me fez rir foi que um dos meus irmãos também chamou o filme de “Escrúpulo” numa conversa com a namorada dele em plena locadora lotada de gente HAHAHA Tipo da cena inesquecível!

    Tava lendo teu blog ontem, e devo dizer que curti muito a criatividade das postagens e, principalmente, a qualidade dos teus textos.

    Tás de parabéns. Mesmo. Blog excelente. Voltarei sempre.

    Um beijo, çao.

    Responder
    • 18. Marjorie Bier  |  06/08/2010 às 12:38 PM

      Querido.

      Volte muito e volte sempre. Sê bem vindo todas as vezes.

      Beijo

      Responder

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Trackback this post  |  Subscribe to the comments via RSS Feed


Sigam-me os bons!


%d blogueiros gostam disto: