Passa

16/07/2010 at 3:46 AM 18 comentários

Ele gostava quando ela dizia sabe, nunca tive um papo com outro cara assim que nem tenho com você. Ela gostava quando ele dizia gozado, você parece uma pessoa que eu conheço há muito tempo. E de quando ele falava calma, você tá tensa, vem cá, e a abraçava e a fazia deitar a cabeça no ombro dele para olhar longe, no horizonte do mar, até que tudo passasse, e tudo passava assim desse jeito. Ele gostava tanto quando ela passava as mãos nos cabelos da nuca dele, aqueles meio crespos, e dizia bobo, você não passa de um menino bobo.

Caio Fernando Abreu

Entry filed under: Gente é pra brilhar!. Tags: .

Das tentativas ® Nau ®

18 Comentários Add your own

  • 1. Rafael Dreweck  |  16/07/2010 às 1:25 PM

    RECEBI O PRESENTE!!!!

    Caramba, alemoa… tu não esquece nunca!!!

    Obrigado. Aniversário sem teu abraço longe não tem sentido.

    Responder
    • 2. Marjorie Bier  |  16/07/2010 às 4:23 PM

      Mon coeur… deguste, desfrute, saboreie!

      Um brinde! Dois beijos.

      Responder
  • 3. Marininha  |  16/07/2010 às 2:03 PM

    EU TINHA ESQUECIDO Q HJ ERA ANIVER DO MANOELITOOOO!!!!

    Adoro!

    Responder
    • 4. Marjorie Bier  |  16/07/2010 às 4:23 PM

      Viva a internet!!!

      beijo

      Responder
  • 5. Duduardoo  |  16/07/2010 às 4:11 PM

    Mar, Mar, Mar…

    Tantas vezes Mar.

    Qto muito de vc tem nessas linhas?!

    Passa… sempre passa. Mas tem passagens de retorno e qdo retornam fazem tão bem… Pena que passam de novo, enquanto não passamos de esperançosos.

    Bjo

    Responder
    • 6. Marjorie Bier  |  16/07/2010 às 4:27 PM

      Caio tem muito de mim em muitas linhas. Não sei se exatamente nesse trecho, mas tem. Ta Prates que me perdoe, mas ele não me cansa nunca.

      E se há um vão para o retorno, só tenho a dizer “que bom, que seja ventilado e claro”. Quase amarelo para um raio de sol.

      Beijo.

      Responder
  • 7. Enrico  |  16/07/2010 às 6:42 PM

    Graaande, Manoelito. Grande Caio Fernando Abreu. Graaaaande Marjorie Bier.

    Final d semana q vem toh aí.

    Bj

    Responder
    • 8. Marjorie Bier  |  16/07/2010 às 8:11 PM

      Nem inventa de fazer como a última vez: aparecer aqui e não ligar!

      Te mato se ficar sem um abraço!!!

      Responder
  • 9. ℓυηα  |  16/07/2010 às 7:13 PM

    Que delicadeza esse jogo de palavras!

    Caio é sempre um luxo, mas aqui ele brilha tão lindo…

    Beijos, florzinha. E ótimo fds pra ti!

    ℓυηα

    Responder
    • 10. Marjorie Bier  |  16/07/2010 às 8:12 PM

      Querideza… não consigo mais imaginar esse céu sem voc~e.

      Beijinhos

      Responder
  • 11. renata carneiro  |  18/07/2010 às 11:25 PM

    caio toca lá dentro.

    te beijo, mar!

    Responder
    • 12. Marjorie Bier  |  19/07/2010 às 12:54 AM

      Ai que saudade (sempre) de ti, minha lindeza!!!

      =***

      Responder
  • 13. Fe  |  19/07/2010 às 1:29 AM

    Pedacinho do céu aqui.
    Tuas palavras são doces sussurros onde me encontro.

    Beijo querideza!

    Responder
    • 14. Marjorie Bier  |  19/07/2010 às 11:43 AM

      Fe lindeza da minha vida!!!

      Que alegria, que surpresa!!!

      Obrigada pela visita!!!

      Meu beijo

      Responder
  • 15. Moni  |  19/07/2010 às 3:19 AM

    Ah, Caio ordinário…
    Sabe tudo de tudo, esse menino… Do “tudo” que é o “simples”…

    Beijo, querideza…
    Semana ótima pra ti!

    Beijos,
    Moni

    Responder
    • 16. Marjorie Bier  |  19/07/2010 às 11:44 AM

      Moni…

      Caio sempre salva quando a inspiração não vem, né?!

      Beijo, florinha

      Responder
  • 17. Patricia Rodrigues  |  19/07/2010 às 7:57 AM

    Confesso q n conhecia Carpinejar,até o início desse ano,quando poracaso(assim juntinho msm),cheguei até o seu blog,ou melhor o seu céu.Está nos meus favoritos,visito diariamente(duas,três,quatro vezes),como quem lê religiosamente a sinopse de uma novela.Apaixonada por Caio (Fernando Abreu),na primeira vez que vi seu blog,e o ‘nomezinho’ dele ali,no cantinho,em meio a tantos outros mestres, senti(fellings mode on) que algo de muito bom estava guardado aqui. Nunca tinha parado pra comentar,não por desmerecimento e sim por saber,que o primeiro comentário não podia ser um qualquer,vc não merece um comentário qualquer.Todos os teus textos,citações,devaneios,chegam até mim(e olha q moro bem longe,Natal/RN,conheces?-visite-nos,qndo puder) carregados de coisas boas.Mas,comecei falando sobre minha outra paixão,Carpinejar,e terminarei falando sobre ele. O melhor de tê-lo conhecido(graças à vc,obrigada), foi poder compartilhá-lo,com amigos que assim como eu, se identificaram e se tornaram mais que fãs.E isso não tem preço. Enfim, tudo isso é um agradecimento à ti,lírio de espécie rara,que perfuma, alegra, dá cor e vida ,aos meus dias,desde os mais cinzentos,até os mais coloridos.Um abraço bem grande(do tamanho da minha gratidão) da sua maisnovamassempreecadavezmaisfã:Paty.

    Responder
    • 18. Marjorie Bier  |  19/07/2010 às 11:45 AM

      Paty

      Fiquei muito feliz com a tua visita. Mesmo que muitas delas tenham sido quietinhas, saiba que sou imensamente grata por cada um dos passeios que deste, dás ou darás por aqui.

      Seja sempre muito bem vinda, seja sempre muito feliz, seja sempre tudodebom para ir e voltar por aqui.

      Beijo

      Responder

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Trackback this post  |  Subscribe to the comments via RSS Feed


Sigam-me os bons!


%d blogueiros gostam disto: