Não por acaso

08/06/2010 at 4:15 AM 17 comentários

Entry filed under: Carpintaria.... Tags: .

Saravá, amor! Atestado

17 Comentários Add your own

  • 1. rafaela  |  08/06/2010 às 11:28 AM

    ‘felicidade é assim… fluída!
    como líquido nos vidros
    como vento nas cortinas
    sem tragédias, sem tempestades
    só a bruuuma, só a bruuma…’ :)))

    =*, chuchua

    Responder
    • 2. Marjorie Bier  |  08/06/2010 às 1:00 PM

      Gosta de Guimarães Rosa, rafélis?!

      Sempre que leio Grande Sertão fico assim, com aqueles olhos arenosos de Diadorim…

      Beijo, lindeza!

      Responder
  • 3. Luana  |  08/06/2010 às 1:33 PM

    Como diria uma menina bem doidinha que conheço: Morri de achar lindo! rsrsrsrsrs…

    Saudade de ti, Mar.

    Responder
    • 4. Marjorie Bier  |  08/06/2010 às 2:42 PM

      Saudade também tem teu nome, Lu.

      Beijo

      Responder
  • 5. rafaela  |  08/06/2010 às 2:40 PM

    agora eu vou bicicletar, pq meu cérebro já foi exercitado demais esta manhã! haha

    só li contos dele, florinha. [e alguns neologismos excessivos me irritam haha]
    o sertão veredas me olha da estante há meses e meses… ele e outros tantos, q compro por mero TOC.
    tsc…

    bjo

    Responder
    • 6. Marjorie Bier  |  08/06/2010 às 2:43 PM

      É chatinho no começo. Precisei ler umas três vezes pra engrenar. E acabou virando vício. O que era neblina (eu e Diadorim) acabou virando paixão das maiores. Grande Sertão ficou grudado em mim como se quisesse viver ali pra sempre.

      Beijos, amorinha

      Responder
  • 7. Marininha  |  08/06/2010 às 2:40 PM

    AI QUE COISA MAIS KIRIIIIDA!!!!

    Não, eu não li Guimarães Rosa. Mas tô ficando com vontade.
    😉

    Responder
    • 8. Marjorie Bier  |  08/06/2010 às 2:44 PM

      Comece de leve, Mari. Não é o tipo de literatura que vai te agradar logo de cara. Procure os contos, conheça o território e só depois se jogue.

      Beijo, beijo

      Responder
  • 9. Duduardoo  |  08/06/2010 às 3:28 PM

    Ke amooorrr!

    Me lembrou Toquinho

    “A hora do sim é o descuido do não.
    Sei lá, sei lá, só sei que é preciso paixão.
    Sei lá, sei lá, a vida tem sempre razão”

    Vida emotiva e inteligente na web! =D

    Bj

    Responder
    • 10. Marjorie Bier  |  08/06/2010 às 3:31 PM

      Emotiva, inteligente e musical!

      =))))

      besos

      Responder
  • 11. ℓυηα  |  08/06/2010 às 4:58 PM

    Verdade : ela gosta de nos surpreender. ^^

    Beijo, gatona!

    ℓυηα

    Responder
    • 12. Marjorie Bier  |  08/06/2010 às 5:06 PM

      … e eu nunca te vi on line no MSN…

      Beijoooo

      Responder
  • 13. Renata  |  09/06/2010 às 4:40 PM

    E que descuidos mais deliciosos…
    Não tão raros quanto parecem.

    Beijo, Marj!

    Responder
    • 14. Marjorie Bier  |  09/06/2010 às 6:35 PM

      As coisas só acontecem quando a gente para de esperar por elas…

      Beijooo

      Responder
  • 15. Mara  |  21/06/2010 às 3:04 PM

    Como eu amo essas horinhas de descuido!!
    Como eu amo você!
    Como eu amo as nossas horinhas de descuido juntas!!

    Beijo do tamanho do Mar…

    Responder
    • 16. Marjorie Bier  |  21/06/2010 às 3:57 PM

      AMo-te!!!

      beijos

      Responder
  • 17. Moni  |  09/09/2010 às 2:06 PM

    E desde já, sou só distração!

    Beijo, frô!

    =*

    Responder

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Trackback this post  |  Subscribe to the comments via RSS Feed


Sigam-me os bons!


%d blogueiros gostam disto: