Uma margem de mim ®

25/05/2010 at 1:01 PM 26 comentários

Essas suas meninas as pupilas dos seus olhos rodeadas de pele em flor que me olham e que me descerram e que me deixam às margens mais próximas de mim que tão distante ando daquilo tudo que fui e quis e tentei através do tempo em que você andava vagando em outros portos em outros cais em outros cantos que meus olhos e que minhas mãos não alcançavam e te buscavam e te esperavam para os abraços que prometemos naquela tarde de fotografias desbotadas que alegremente criávamos enquanto o sol se escondia por entre os fios dos seus cabelos tão dourados e tão desalinhados como os pensamentos que tentávamos ordenar entre os sorrisos tantos que trocávamos quando nossas bocas já não sabiam o que falar e meus lábios famintos tocavam o vermelho dos seus que também famintos devoravam os desejos que secretamente alimentávamos quando as pupilas dos seus olhos me descerravam e me aniquilavam e me levavam às margens mais próximas de mim.

Entry filed under: Perplexidades. Tags: .

À beira do mar aberto Dia do desafio? ®

26 Comentários Add your own

  • 1. Marcelo Cruz  |  25/05/2010 às 1:38 PM

    Bem vinda de volta!

    Responder
    • 2. Marjorie Bier  |  25/05/2010 às 2:03 PM

      Saudade…

      =*

      Responder
  • 3. Clara Morais  |  25/05/2010 às 2:00 PM

    Fotografando a fragmentação contemporânea… linda!

    Responder
    • 4. Marjorie Bier  |  25/05/2010 às 2:04 PM

      Que lindo!

      Beijinhos

      Responder
  • 5. Eunísia  |  25/05/2010 às 2:15 PM

    Tudo bem… essa margem de vc, mais próximas e os desejos secretos, simplesmente O céu da Boca.
    Abs

    Responder
    • 6. Marjorie Bier  |  25/05/2010 às 2:43 PM

      Que bom te ver aqui, Eunísia…

      Beijinhos

      Responder
  • 7. Renata  |  25/05/2010 às 2:35 PM

    prosa
    fluente
    não pontuada

    ao estilo Saramago

    beijo doce de lira

    Responder
    • 8. Marjorie Bier  |  25/05/2010 às 2:44 PM

      Que saudade de um passeio beeeemmmm demorado lá pelo teu espaço, Re.

      Beijos

      Responder
  • 9. Enrico  |  25/05/2010 às 3:00 PM

    Teus olhos é que nos levam a lugares doidos.

    bj

    Responder
    • 10. Marjorie Bier  |  25/05/2010 às 3:03 PM

      “Os meus olhos doidos são doidos por ti…”

      =****

      Responder
  • 11. Mara  |  25/05/2010 às 3:39 PM

    Como já falei…
    Mar é para sentir!!

    Árias Pequenas. Para Bandolim (H.H.)

    Antes que o mundo acabe, Túlio,
    Deita-te e prova
    Esse milagre do gosto
    Que se fez na minha boca
    Enquanto o mundo grita
    Belicoso. E ao meu lado
    Te fazes árabe, me faço israelita
    E nos cobrimos de beijos
    E de flores

    Antes que o mundo se acabe
    Antes que acabe em nós
    Nosso desejo.

    …é um amor que só faz aumentar…
    Muitos beijos!!!

    Responder
    • 12. Marjorie Bier  |  25/05/2010 às 3:54 PM

      Hilda Hilst sempre me põe a alma comovida…

      Beijo, amoralinda

      Responder
  • 13. ℓυηα  |  25/05/2010 às 5:02 PM

    Eu perdi o fôlego, e não, não foi pela charmosa ausência da pontuação, não, foi pela grandeza da coisa. ^^

    =**

    Responder
    • 14. Marjorie Bier  |  25/05/2010 às 5:22 PM

      Querida… sou sempre tão feliz com você aqui…

      beijos

      Responder
  • 15. Luana  |  25/05/2010 às 5:40 PM

    Marjorie, esse desatino romântico, essa falta de palavras, esse desordenar de pensamentos apaixonados… isso tudo é o que há de mais autêntico e duro e cru no teu texto. A gente vai pensando contigo e quando vê está nas vísceras, exatamente como voc~e imagina que devam ser os amores.

    Ficou lindo. Ficou autêntico. Ficou Marjorie Bier.

    Responder
    • 16. Marjorie Bier  |  25/05/2010 às 5:45 PM

      Lu… são exercícios quase sempre baseados em estilos e escritores que eu estou lendo no momento. A inspiração parte deles…

      Um beijo

      Responder
  • 17. Marininha  |  25/05/2010 às 7:08 PM

    Voltei d viageeeemmmmm!!!

    Uia q saudade daqui!

    E o q é esse texto??? Crujis de bão!

    S2

    Responder
    • 18. Marjorie Bier  |  25/05/2010 às 7:33 PM

      =))))

      Figurinha…. mande um e-mail contando tudo da viagem. Estou maisquecuriosa!

      Responder
  • 19. Clau  |  25/05/2010 às 7:30 PM

    Acho massa qdo tu escreve assim, sem respirar, de soco.

    Qdo vem?

    Responder
    • 20. Marjorie Bier  |  25/05/2010 às 7:33 PM

      OOOO saudade, Claudinha…

      Quero irlogo, mas dependo das folgas.

      Amo!

      Responder
  • 21. Rafael Dreweck  |  25/05/2010 às 8:26 PM

    J’aime prendre pour venir ici parce que chaque fois que je reviens-je trouver de plus belle. Et c’est pourquoi je suis un fan de ce que vous écrivez et espérons que vous serez célèbre un jour.

    kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk!

    Responder
    • 22. Marjorie Bier  |  25/05/2010 às 8:29 PM

      hahahahahahahahahahahaha

      Promis de payer pour une bouteille de champagne. Et un autographe, bien sûr.

      =****

      Responder
  • 23. Mari  |  26/05/2010 às 8:08 PM

    reeeespira, mulher! =)

    todo mundo é meio o outro, né?

    Responder
    • 24. Marjorie Bier  |  26/05/2010 às 8:11 PM

      Amar me tira o fôlego. E eu gosto.

      =)

      Responder
  • 25. Aline Veingartner  |  29/05/2010 às 12:45 AM

    Achei lindo também, de tirar o fôlego! *-*

    Responder
    • 26. Marjorie Bier  |  31/05/2010 às 1:06 PM

      Querida…
      Como anda teu blog??? Crescendo!?

      beijinho

      Responder

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Trackback this post  |  Subscribe to the comments via RSS Feed


Sigam-me os bons!


%d blogueiros gostam disto: