Eixo ®

28/06/2009 at 5:03 PM 2 comentários

Quero ser poesia na tua vida
Rima desconexa
Côncavo
Convexo
Sexto sentido
Anexo
Plexo solar

Teu corpo
E o meu
Exalando sexo
Nesse mundo
De tino perverso
Em que ainda
Repito teu soul

Anúncios

Entry filed under: Perplexidades.

Passeio ® Aromas ®

2 Comentários Add your own

  • 1. Juliano  |  28/06/2009 às 6:47 PM

    Marjorie Bie mais uma vez nos emociona com sua capacidade de transformar em palavras as mais obscuras nuances do pensamento pós-surrealista-mordeno-existencialista com pitadas de ironia filosófica e um tempero de sensualidade exacerbada que nos remete à condição bestial da natureza humana descrita nos ensinamentos psico-filosóficos de correntes obscuras das ciências humanas.
    Marjorie Bier novamente nos encanta com sua capacidade única de reunir as mais diversas referências artísticas/culturais em sua obra que está rapidamente se transformando na nova sensação da poesia gaúcha, talvez até mundial.

    Responder
  • 2. marjoriebier  |  28/06/2009 às 6:48 PM

    hahahahahaha… eu não estou pagando pra ele escrever!!!!

    Responder

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Trackback this post  |  Subscribe to the comments via RSS Feed


Sigam-me os bons!


%d blogueiros gostam disto: