Poeminha Atrasado* ®

04/06/2009 at 12:49 PM 3 comentários

Meu coração

E o teu

Desencontraram os ponteiros

No fuso horário do amor

.

O meu bate sempre cedo

O teu atende tarde demais

.

*Pro Gui… pelo sono atrasado na capital.


Anúncios

Entry filed under: Perplexidades.

Rilke, poète de mon ® Azedume ®

3 Comentários Add your own

  • 1. Guilherme Maron  |  04/06/2009 às 1:20 PM

    Sono atrasado e cãibra … Que velho !!!

    Responder
  • 2. Enrico Fezzin  |  04/06/2009 às 2:47 PM

    O meu bate cedo… e continua batendo depois.

    Responder
  • 3. Mariana Cadore  |  05/06/2009 às 10:54 PM

    Deviamos tirar os fusos e horarios de verao dos relogios do amor.Bem verdade.Porque um sempre acaba antes… Mas o amor eh lindo, vamos a ele.
    Bjs

    Responder

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Trackback this post  |  Subscribe to the comments via RSS Feed


Sigam-me os bons!


%d blogueiros gostam disto: